Sunday, May 30, 2010

Sentes?

Image and video hosting by TinyPic

Se cada dia cai



Se cada dia cai, dentro de cada noite,

há um poço

onde a claridade está presa.



há que sentar-se na beira

do poço da sombra

e pescar luz caída

com paciência.



Pablo Neruda (Últimos Poemas)



2 comments:

Sonhadora said...

manuela
Lindo este poema de Neruda.

Deixo um beijinho
Sonhadora

Joseph said...

Manu,
Oi.

GENIAL.

Voltarei.

Beijinhu:))