Monday, January 04, 2010

A Vida Suspensa




A vida suspensa, trava o ódio,
Desacordo da sintonia.
Vagas de dor dilacerantes,
Em sentida agonia.

A vida suspensa, no ar flutua.
Alma negra, rude e escura.
Sobre as chamas paira no ar,
Levita ao som do crepitar.

A vida suspensa, que vida?
Era o que querias? Mentira.
A vida suspensa em ti paira.
Flama, queima, range e rasga.

Autor: Manuela


Desligue o music player para ouvir

16 comments:

Amordemadrugada said...

Muito bonito o poema

Olá Manuela
Bgda pelas palavritas
É claro que não estava a pedir liçoes amiga..Compreendo perfeitamente que a sua vida seja preenchida com o que deseja!
Peço desculpa!Eu precisava mesmo era dos tais links que me deu...obrigada, ta?
É que eu estou mais habituada com algum HTML...
Mas eu gosto sempre de aprender e então...aí vou eu!
desculpe se fui inconveniente Manuela...Não foi minha intençao, ta?
Besito e bgda mais uma vez
;)

Jacarée said...

A vida parece não faz sentido quando a dor é dilacerante
Quando fica Suspensa a respiração...
No entanto a esperança está sempre a espreita é só abrir a porta e deixa-la entrar.

Bons Sonhos

Bjs

Jacarée

Pelos caminhos da vida. said...

Voltei!!!

Obrigada pelo seu carinho.

Feliz 2010!

beijooo.

Amordemadrugada said...

ola
vim desejar ke tenha uma boa semanita
besito e bgda

tossan said...

É por isso que os pássaros voam e não ficam sempre no mesmo lugar e amenizando as dores. Belo poema! Beijo

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO said...

Linda poetisa,
Manuela!
Beijos,
Renata

Jacarée said...

Manuela!

A vida é uma caixinha de "pandora"
está sempre suspensa,...sempre a flutuar... há dias que nunca terminam e quando chega a noite parece que ainda nem começou.
Os outros que terminam, não sei pra onde vão, mas este vai pro fundo do coração.
Força amiga, a vida não é um mar de Rosas Temos que semear, plantar, regar... e finalmente escolher bem para não picar.


B. F. S. Bjs

Pelos caminhos da vida. said...

Hoje estou agradecendo de um por um por eu ter alcançado mais de 100.000 visitas, isso não seria possível sem vc, meu muito obrigada.

Fim de semana de muitas bençãos.

beijooo.

Anjo azul said...

Olá Manuela. Desculpa ter entrado no seu cantinho sem permissão.
Tenho que confessar que ADOREI!
Que a vida lhe sorria com as melhores felicidades, e se me permetir voltarei.
Bjs
AnjoAzul

Pelos caminhos da vida. said...

Desejo nesta semana para você:

Paciência para as dificuldades
Tolerância para as diferencias
Benevolência para os equívocos
Misericórdias para os erros
Perdão para as ofensas
Equilibrios para os desejos
Sensatez para as escolhas
Sensibilidades para os olhos
Delicadezas para as palavras
Coragem para as provas
Fé para as conquistas
E amor para todas as ocasiões

beijooo.

Oliver Pickwick said...

Desconhecia este seu lado poeta. A cada dia se conhece mais das pessoas. Ainda bem, do contrário seria tudo muito enfadonho. Gostei da poesia. Siga e acrescente mais este talento à sua personalidade multimídia.
Um beijo e feliz 2010!

Antonio saramago said...

Retribuindo a amabilidade e ainda bem que descobris-te o meu canto porque assim tenho mais um fantástico blogue para me entreter e admirar.
Admirado fico também por verificar que também por aqui passeia a minha grande amiga Amor de Madrugada.
Este teu blogue, não só é especial como é FANTÁSTICO!!!
O Boneco é de tua Autoria?
Como me descobris-te?
Muitos parabéns!!!

Pelos caminhos da vida. said...

Viver é ter chance de acreditar que
a cada dia podemos fazer mais coisas que imaginávamos.
É acalentar sonhos e esperanças, fazendo da fé, a nossa inspiração maior.
É buscar nos pequenas coisas, um grande motivo pra ser feliz.

(tirado da net).

Fim de semana de luz.

beijooo.

Sônia Silvino said...

Manu!!!
Que envolvente, minha amiga!
Bjkas!

Pelos caminhos da vida. said...

BOM DIA!

É a palavra mágica que faltava nessa manhã, e vem expressar à você, o maravilhoso amanhecer que lhe desejo repleto de amor e paz.

beijooo.

Acacio Moreira said...

Olá Manuela!
Lindas imagens, anexas a lindos poemas,soma um maravilhoso.
Continue está a fazer um belíssimo trabalho.
Beijo
Acácio